Guia de Las Vegas VIPGuia de Las Vegas VIP
You are here: Las Vegas > Tudo sobre Las Vegas > UFC 137 - cobertura direto de Las Vegas

♣ UFC 137 - cobertura direto de Las Vegas ♣

UFC 137, NICK DIAZ VENCE BJ PENN
por Mario Guardado

UFC 137

· Durante coletiva de imprensa, Dana White confirma luta pelo cinturão dos meio-médios para o fim de semana do Superbowl, no dia 5 de fevereiro.

· Bastante castigado após a derrota, BJ Penn fala em aposentadoria

· Lenda viva do MMA, Mirko Cro Cop se despede do UFC após derrota para Roy Nelson

O UFC 137, realizado na noite deste sábado, dia 29, em Las Vegas, pode ter entrado para a história por ter marcado a despedida de duas grandes lendas do MMA: Mirko Cro Cop e BJ Penn. Após derrotas para Roy Nelson e Nick Diaz, respectivamente, ainda no octógono, os astros do UFC anunciaram suas aposentadorias. A luta principal entre o ex-campeão dos meio-médios e dos leves do UFC, o havaiano BJ Penn, e o ex-campeão dos meio-médios do Strikeforce, Nick Diaz, levou a plateia ao delírio. A vitória de Diaz veio por decisão unânime dos jurados após uma luta franca e com show de boxe dos dois lutadores.

Com a vitória, Nick Diaz manteve a invencibilidade após 11 lutas e está novamente na disputa do cinturão dos meio-médios contra Georges Saint-Pierre, seu adversário inicial, cortado do evento por lesão. O confronto foi confirmado pelo presidente do UFC Dana White durante a coletiva de imprensa para o fim de semana do Superbowl, marcado para o dia 5 de fevereiro de 2012.

UFC 137

No outro confronto aguardado da noite, pela categoria pesado, o croata Cro Cop, ex-campeão do Pride, não conseguiu conter a força de Roy Nelson, que venceu por nocaute técnico a 1min30s do terceiro round.

Nick Diaz mostra boxe afiado em luta de alto nível
Na luta principal da noite puderam ser vistos em cena dois dos melhores lutadores do mundo, peso por peso, irem para cima e não fugirem ao embate. Já nos primeiros segundos de luta BJ Penn soltou um direto de esquerda e iniciou uma franca trocação. Ainda no começo do round conseguiu levar Diaz ao solo. Ainda com gás, o havaiano mostrou sua destreza no jiu-jitsu e com muita habilidade aproveitou uma posição favorável nas costas do adversário para atingi-lo com potentes golpes. Diaz ainda teve tempo para se recuperar, mas perdeu o primeiro round. A partir de então os lutadores apostaram suas fichas no boxe.

No segundo round o californiano mostrou todo seu punch e massacrou o ex-campeão encaixando dezenas de golpes e joelhadas no clinche que deixaram BJ sem reação, já aparentando cansaço. Diaz manteve o forte ataque, apostando no alto nível de seu boxe. No último round, com trocação franca, BJ Penn conseguiu equilibrar a luta por alguns minutos e absorver de forma impressionante os golpes do americano, mas não conseguiu evitar a derrota.

“É bom estar de volta lutando. No segundo round eu me liguei e fui para cima. Ele começou a ficar na defesa no terceiro round. As coisas teriam sido diferentes se houvesse cinco rounds. Eu teria acabado com ele no quarto. BJ é um dos melhores lutadores que existe e muitos não iriam lá e tomar todos aqueles socos", disse Diaz após a luta.

Por outro lado, BJ Penn surpreendeu a todos ao dizer, em sua entrevista após a luta, que se aposentaria dos combates. "Esta é a última vez que você vai apertar minha mão. Tenho uma filha em casa, não posso voltar para casa desse jeito. Acabou" - disse BJ Penn, com o rosto extremamente castigado depois da dura trocação com Diaz.


Roy Nelson vence por nocaute técnico e aposenta Mirko Cro-cop

Após três derrotas consecutivas no UFC e aos 37 anos, o peso-pesado Mirko Cro Cop confirmou sua aposentadoria. Um dos maiores lutadores da história do MMA não conseguiu deter Roy Nelson, que se redimiu após duas derrotas seguidas na categoria, contra Junior “Cigano” e o compatriota Frank Mir.

Após muita discussão sobre sua forma física, Roy surgiu no octógono com muitos quilos a menos. Já Cro Cop estava visivelmente emocionado por lutar pela última vez. Uma das lutas mais esperadas começou com tímidas investidas em pé tentando encurtar a distância. Mas foi só o começo, pois logo Roy Nelson conseguiu uma queda contra o lendário lutador croata e investiu no ground and pound. Novamente em pé, Roy desferiu um direto, mas foi revidado com um potente upper no queixo. Com uma trocação de jabs e diretos, o primeiro round chegou ao fim.

Depois de aplicar um chute baixo, o croata começou a aparentar uma lesão em uma das pernas e foi novamente derrubado com facilidade por Roy Nelson que rapidamente passou a guarda e deixou o adversário em sua pior posição. Na chamada posição 100 quilos, castigou o rosto do Mirko, desferindo golpes potentes e indefensáveis.

No terceiro e último round, Roy Nelson aplicou um golpe de direita que desnorteou Cro Cop e prosseguiu com uma sequência de socos que levou a luta ao nocaute técnico.

Grandes nomes da categoria peso-pesado fazem luta morna
O francês Cheick Kongo e o ex-jogador de futebol americano Matt Mitrione também duelaram no UFC 137, pela categoria pesado. Em uma luta morna, os dois se mostraram extremamente reticentes e apenas se movimentaram em torno do octógono. No fim do primeiro round, Mitrione chegou a derrubar Kongo após um deslize do francês. Enquanto o americano tentava encaixar golpes de esquerda sem eficiência, Kongo investia nos chutes baixos. No último round, Kongo dominou o confronto com agressividade, aplicou golpes contundentes, derrubou o adversário, conseguindo assim a vitória por decisão.

"Eu não tinha certeza de como reagir aos movimentos do Mitrione no início. Fiquei feliz com meu desempenho, especialmente minha trocação. Eu queria fazê-la funcionar. Meu plano era esperar e ver o que ele faria", explicou Kongo.


Outros resultados do UFC 137
Abrindo o card principal, pela categoria peso pena, o japonês Hatsu Hioki enfrentou o americano George Roop, ex-participante do reality show The Ultimate Fighter. Em uma luta amarrada, que contou com muitos clinches e investidas no chão, Hioki venceu por pontos em uma decisão dividida.

Luta equilibrada e movimentada com muita inversão de posição, mas sem muita potência nos golpes em pé. Com o Scott Jorgensen com leve vantagem nas quedas, conquistou a vitória pode decisão unânime sobre Jeff "Big Frog" Curran.

Resultados:
CARD PRINCIPAL

Nick Diaz venceu BJ Penn por decisão unânime dos jurados

Cheick Kongo venceu Matt Mitrione por decisão unânime dos jurados

Roy Nelson venceu Mirko Cro Cop por nocaute técnico (socos) a 1m30s do terceiro round

Scott Jorgensen venceu Jeff Curran por decisão unânime dos jurados

Hatsu Hioki venceu George Roop por decisão dividida dos jurados



Mais sobre Las Vegas

  •   Mini Baja Buggy Tour - de tirar o fôlego
  •   Skydiving Las Vegas  

  • Artigos sobre Las Vegas

    >   Melhores locais para comprar roupa esportiva em Las Vegas
    >   Torneio de poker - $1 milhão no Bellagio Las Vegas
    >   Vegas! The Show - Tickets aqui!
    >   Gordon Ramsey novo restaurante em Las Vegas
    >   The Cosmopolitan Las Vegas








           


        English     Français     Español     Nederlands     Italiano     Norsk


    Sitemap         © 2018 CasinoBillionaire All Rights Reserved - Contact


    United Kingdom